Dolar Alto, entenda os efeitos

Categoria - comentários

Primeiro devemos entender porque o dólar atingiu este pico histórico. O dólar tem subido devido a crise externa e isso afeta o mundo todo. Uma das consequências dessa crise financeira é a alta da moeda americana em todo o mundo.

Dolar alto em 2015

O problema é que o salário em real continua o mesmo, mas o câmbio para a moeda americana está aumentando o valor em um nível nunca visto atnes. Assim, está mais caro comprar dólar e comprar em dólar. Para o turista, também há o preço das passagens aéreas que são quantificadas em dólar e, que, portanto, estão ficando mais caras. Isso pode gerar mais viagens para dentro do nosso país, em vez de viagens para o exterior.

Não quero viajar mesmo

Calma! Outra consequência que poderá ser vista em pouco tempo é o aumento de alguns preços, já que muitos componentes são importados e a moeda mais utilizada é o dólar americano. Assim, mesmo o consumidor comum começará a perceber aumento de preços em alguns setores da economia. E, dependendo de quanto o dólar subir, esse aumento de preços poderá se tornar generalizado, aumentando a inflação por aqui.

E não é só os produtos vindo de fora. A inflação acaba contaminando os produtos que, teoricamente não precisariam estar com seus valores baseados na moeda dos Estados Unidos. Isso é devido a muitos dos produtos serem comercializados em dólar para exportação, e, se eles são vendidos lá fora por um preço maior, o comerciante brasileiro acabará aumentando o preço por aqui para não ter desvantagem na venda. Desse modo, há um círculo vicioso que empurra todos os preços para cima, independente de ter peças ou componentes dolarizados.

Uma última consequência vista com a alta do dólar, e, consequente desvalorização da nossa moeda, o Real, é a chegada de muitos turistas estrangeiros, que podem consumir e injetar dinheiro na nossa economia. Isso irá melhorar a economia local e poderá melhorar a vida dos habitantes das regiões em que o turismo estrangeiro é maior, como a grandes capitais e cidades turísticas brasileiras.

Deixe seu comentário

Nossos comentários são via Facebook e para comentar basta estar logado. Diga-nos o que achou, mas lembre-se que os comentário são de responsabilidade sua.